Engoli a porra toda do estranho no hotel!

Engoli a porra toda do estranho no hotel!
Não é conto, é estória verdadeira (como todas as minhas outras).

Depois de um bom tempo sem macho, ontem (24/9/2018), perto das 11 da noite, eu estava no quarto de um hotel hospedada a serviço, em uma cidade de interior distante de casa e subindo pelas paredes de tanta vontade de mamar um pau, dar meu cuzinho, ser mulherzinha… qualquer coisa… kkkkk.

Confesso a vocês que apelei: entrei em um famoso site de bate-papo, na sala da cidade, com o nome “MamadorPassivo”. Apesar de não ser minha muito a minha praia ficar com homens sem me montar, eu fui essa cidade sem nenhuma das minhas roupas, sem camisinha (e nenhuma farmácia aberta àquela hora…), mas o tesão veio de repente e tive que procurar macho assim mesmo…

Não demorou e um cara pouco mais velho que eu (adooooro!!!) com apelido “Homem dotado” já se candidatou a ser mamado e, surpresa, estava num barzinho a poucos metros. Combinamos dele vir imediatamente, pois havia apenas um recepcionista que nem estava dando bola pra quem entrava… Gente, mal deu tempo de eu correr para o banho e me lavar rapidamente… em poucos minutos o cara bateu na porta.

Era tipo Richard Gere (eu e meus exageros… kkk), cabelo grisalho, alto, corpo normal, bonito… dava prá encarar na boa… e claro, bateu aquele medinho e vergonha… eu estava só de blusa e bumbum de fora, e disse para ele ficar bem à vontade enquanto acabava de me lavar. Quando voltei, mais do que rápido ele já tinha tirado tuuuuuudo e me surpreendi!

Ele estava deitado de barriga pra cima e pernas abertas, um gigante de quase 1,90m ocupando toda a cama, belo corpo, com a barriguinha normal para a sua idade… o melhor estava entre as pernas… uma geba enoooooorme… acho que nunca tinha visto tão grande ao vivo, ele disse que tinha 20cm, mas não acreditei… parecia maior… e grossa… um sacão lindo pendurado… e um convite safado…. “Vem mamar meu pau, vem…”.

Eu já estava babando olhando fixo para aquele pica dura e não pensei duas vezes… deitei entre as pernas e fiz o melhor boquete da minha vida, saboreando cada centímetro da vara, lambendo toda a extensão e o saco. Tive que abrir bem a boca e no início não conseguia engolir até o talo, mas fui lembrando do treino com meus brinquedos e botando a língua pra baixo, fazendo movimento de engolir, aos poucos fui botando mais e mais até sentir o saco na ponta da língua…. ele gemia de tesão.

Começou a falar putarias, me chamando de putinha e perguntou se eu gostava de buceta também… respondi que sim e ele disse que queria comer a buceta da minha mulher na minha frente e depois gozar tudo na minha boca para me fazer de corno viadinho… “Hummm.. boca gostosa… mamada boa…” e batia o pau na minha língua e rosto com força.
Isso foi me excitando e comecei a me sentir uma profissional mamando… fui testando sem pressa o que ele mais gostava…descobri que era sugar com força a sua rola… quando fiz isso ele delirou e pouco depois segurou minha cabeça e começou a meter rápido, punhetando a pica com minha boca. “Hummm, gosta assim… gosta de pau…? Toma… hummm… mama tudo, vou te dar leite… mas quero o seu cuzinho”.

Pouco depois, ainda deitado de barriga pra cima, me mandou virar a bunda pra ele e começou a bater forte no meu rabo enquanto eu mamava… “Que cuzão gostoso… quero te comer… quero arrombar seu cu com minha pica…”. Só que não tínhamos camisinha… então ele mandou eu pegar o telefone e me virar para achar uma farmácia com o seu pau na boca… foi divertido… apanhando na bunda, mamando rola e pesquisando no google uma camisinha para encapar a vara para dar o cuzinho…

Mas não achei e ele disse… “então não tem jeito já que não dá prá meter sem a camisinha… vai ter que beber leite…”. Me arrepiei toda imaginando quanta porra cabia ali… ele me mandou virar na posição inicial e voltar a mamar forte… a rola crescia mais (eu nem imaginava que aquilo engrossava tanto!!!)…
Depois de estar bem grossa e dura, ele parou e me mandou deitar de barriga para cima com as pernas para fora da cama e veio com o pau de cima para baixo na direção da minha boca… nossa…. fiquei indefesa!

Aquele macho gigante por cima da minha cabeça, montando a minha boca como se fosse uma xota e metendo como queria até a minha garganta… mas meteu com carinho, percebendo o meu limite… com jeito encaixou na entrada da garganta e ficou fodendo bem gostoso sem pesar… nessa posição minhas mãos estavam livres e comecei a mexer no meu pintinho/grelinho sissy…

Não demorou e senti a cabeça do pau na entrada minha garganta crescer e começar a melar lá no fundo… um jato de porra esquentou minha garganta sem defesa… “Mmmmmmmmmmm….”. “Fica quietinha e aguenta tudo….”. Não tinha mais jeito nem defesa…. o macho pesado segurava a minha cabeça com a própria rola… enquanto seus pentelhos roçavam no meu nariz e o saco no meu queixo… Era esperar ele gozar tudo enquanto eu sentia as contrações do saco e da piroca toda na boca quase sufocando… na garganta eu sentia a porra descendo em cachoeira para dentro do meu estômago… Que experiência o cara tinha!

Quando acabou o gozo que parecia não ter fim, levantou com o pau babado liberando minha cabeça… Acreditem: não dava pra cospir nada! Tudo tinha descido, só sentia aquele melado grosso lá dentro da garganta acabando de descer e me obrigando a engolir… Ali mesmo deitada e submetida à vontade do macho, vendo a rola que me fez de depósito de porra também gozei mexendo no pintinho passivo enquanto sentia o melado quente descendo na garganta.
“Você me fez beber sua porra toda!”… “Isso aí… não disse que você ia tomar tudinho?… vou dar uma mijada no banheiro… “. E enquanto ele mijava fazendo muito barulho (que tesão) fiquei ali melada da minha porra e sentindo cheiro e gosto do macho na boca… quando acabou, deixando o vaso ainda molhado de mijo para eu limpar, fui olhar a minha boca e nada… tudo tinha sido merecidamente engolido… e o gosto de porra na garganta…

Me limpei enquanto ele se vestiu rápido e saiu… e eu fiquei ali feliz da vida e saciada (por enquanto) doida para contar a vocês e fazer de novo!

Beijos nas picas! Comentem, por favor, pois leio todos os comentários!

Yorum bırakın

E-posta hesabınız yayımlanmayacak. Gerekli alanlar * ile işaretlenmişlerdir